A cultura de paz na percepção dos professores de Educação Física de uma escola da rede estadual de ensino do Rio Grande do Sul

José Paulo Reichenbach, Denise Grosso da Fonseca
2016 Motrivivência  
http://dx.doi.org/10.5007/2175-8042.2016v28n48p331Em resposta à violência, tanto autoridades quanto a própria população parecem crer na repressão como única possibilidade. Assim, o presente trabalho objetiva compreender como o professor de Educação Física percebe a promoção da cultura de paz, no ambiente escolar. Partimos de um referencial teórico que analisa o fenômeno violência, a violência escolar e suas nuances. E depois, adentrarmos ao tema da Promoção da Cultura de Paz, a partir de uma
more » ... a partir de uma linha de pensamento que acredita que, se a cultura da violência se constrói cultural e socialmente, a cultura de paz também pode vir a ser construída, a partir de ações intencionalmente planejadas. Valemo-nos da pesquisa qualitativa, que usa como instrumentos de coleta de dados a entrevista, as observações de campo e a análise do projeto político pedagógico. Constatamos que os professores são conhecedores da Cultura de paz, mas que ações objetivas e intencionais nessa direção, ainda, não são desenvolvidas.
doi:10.5007/2175-8042.2016v28n48p331 fatcat:kjqssk3u2rad7fq7emux7a75yy