Por que as populações flutuam erraticamente? Tantos e tão poucos... E suas implicações no manejo integrado de pragas

Eduardo Rodrigues Hickel, Gabriel Rodrigues Hickel, Evaldo Ferreira Vilela, Og Francisco Fonseca de Souza, Octavio Miramontes
2014 Revista de Ciências Agroveterinárias  
Desvendar os intrigantes processos que levam o número de indivíduos de uma população a oscilar ao longo do tempo tem sido um dos grandes desafios dos ecólogos. A busca desta informação é crucial para o desenvolvimento de modelos matemáticos que permitam prever a época e intensidade das oscilações. No caso de pragas agrícolas, esta previsão pode resultar em estratégias de controle mais adequadas. Diversas hipóteses têm sido propostas e várias delas permitem a elaboração de modelos de previsão
more » ... isfatórios, porém com resultados por vezes paradoxalmente opostos. Uma característica peculiar destes modelos é que, apesar de serem fundamentados por fenômenos naturais, como a dependência de densidade, soluções caóticas, multiperiódicas e periódicas podem ser obtidas com a manipulação dos valores dos parâmetros. Ainda mais instigante é o comportamento com escalamento no domínio de freqüências, que tornam estes processos similares a outros fenômenos naturais completamente distintos, porém pertencentes à mesma classe universal.
doaj:094d9ee6ddc047ebb6937eeb4d958aa7 fatcat:mdre2onm6fhlbfvdu7grd34fsq