Comunicar para educar: educomunicação e leitura na escola

Ivan Fortunato, Iracema Torquato
2010 Rumores  
Discute-se neste artigo a prática de leitura na escola pela educomunicação. Apresentando postura crítica frente ao papel reprodutivo da escola e do pensar dominante da mídia, propõe-se unir o lúdico ao artístico para a superação do discurso autoritário da escola. Pela semiologia de Peirce, propõem-se práticas que levam as crianças à leitura crítica dos livros paradidáticos e a desvendar as tramas da narrativa, evitando os famosos preenchimentos mecânicos de lacunas e/ou cópias de parágrafos.
doi:10.11606/issn.1982-677x.rum.2010.51217 fatcat:3envrpkrtbgc7hnfn2d2ke2kle