Pandemia e Política

Maria Elisabete Pereira dos Santos, Renata Alvarez Rossi
2020 Revista NAU social  
<p class="Corpo">Este texto passeia por alguns dilemas da nossa política em tempos de pandemia. Recorre a Albert Camus e a pensadores clássicos no campo do liberalismo, como Bernard Mandeville, Adam Smith e Friedrich Hayek, para discutir o significado, em tempos idos e nos dias de hoje, da exacerbação da tese da liberdade individual, em contextos de crise sanitária. Hannah Arendt, Richard Sennett e Wilhelm Reich, com Zé Ninguém, ajuda-nos a refletir sobre a complexa associação entre pandemia,
more » ... toritarismo e neofascismo. O texto recorre ainda a Lilia Schwarcz e a Jessé de Souza, com o objetivo de explicitar as raízes escravistas e autoritárias da sociedade brasileira. A discussão estrutura-se a partir da recorrência a textos dos referidos autores e conclui pela necessidade, no atual contexto de esquecimento da política, ataque à democracia liberal burguesa e hegemonia de forças políticas de extrema direita, nestes tempos de Zé Ninguém, de reinventar a esfera pública, a politica e o futuro.</p>
doi:10.9771/ns.v11i20.36632 fatcat:zt5t4l4ecjdkxnfjaf45b6ew7m