Compromisso tardio da sociedade com a escola e o professor

Roseli Fígaro
2013 Comunicação & Educação  
Resumo: A partir de perspectiva histórica, a autora faz breve relato da tardia universalização da educação no Brasil. Além de apresentar problemas e contradições na formação de alunos e professores, há a falta de reconhecimento do valor do professor na sociedade brasileira, fator que acarreta baixos salários e péssimas condições de trabalho. Como avanços, há atualmente a implantação de um conjunto de diretivas de políticas públicas, voltadas para a melhoria do ensino, garantia de acesso ao
more » ... a de acesso ao ensino básico e apoio à formação continuada de professores, entre outros. Tais políticas precisam ser consolidadas, avaliadas e aperfeiçoadas, pois o professor é um mediador do processo de aprendizado e, como parte de sua formação, é preciso incluir de maneira assertiva e coerente os conteúdos relativos ao campo da comunicação. Palavras-chave: escola; educação; professor; políticas públicas; universidades. Abstract: From a historical perspective, the author outlines a brief account of the late universalization of education in Brazil. Besides presenting the problems and the contradictions in the education of students and teachers, there is the lack of recognition for the teachers and their work in Brazilian society, leading to low wages and poor working conditions. As advancements, there is the current development of a set of public policies aimed at the education improvement, at the assurance for elementary education and at the support for continuing teacher education, among others. Such policies need to be consolidated, evaluated and improved, because the teacher is a facilitator of the learning process and as part of his/her formation, it is necessary to include assertively and consistently the content related to the field of communication. A escola é uma conquista da sociedade moderna, um chamamento à razão, que indica a necessidade de a sociedade ocupar-se da formação das novas gerações; tem como fundamento a liberdade do indivíduo, o ensino laico, o desenvolvimento científico e a democracia. A história da escola, como a conhecemos, é recente. As famílias dos nobres e cidadãos abastados contratavam intelectuais e artistas para educarem os seus filhos. Sócrates, Platão, Aristóteles foram alguns desses filósofos educadores. Embora a ideia de escola possa ser encontrada na obra República, de Platão, e também Aristóteles tenha fundado sua própria Academia, a ideia de escola como direito de todo cidadão começa a aparecer depois da Revolução Francesa, ou seja, em meados do século XVIII. Revista eca XVIII 2_miolo.indd 7 16/08/13 15:58
doi:10.11606/issn.2316-9125.v18i2p7-13 fatcat:lbqriv3qsjcwfcwkaqlki77uke