Análise da Sinalização na Arquitetura Proposta no IETF ANIMA: o GRASP

João Batista Silva Martins, Jéferson Campos Nobre
2018 Anais do Workshop Pré-IETF (WPIETF)   unpublished
O avanço da tecnologia e complexidade de redes de computadores cria a necessidade de novos mecanismos de gerenciamento para tais redes. A intervenção humana não será mais efetiva, sendo necessário automatizar determinados processos. As redes autonômicas se apresentam para atuar em redes complexas e tomar decisões sem necessitar de um administrador de rede e repassando a responsabilidade de resolver problemas para os nós da rede autonõmica. O Autonomic Networking Integrated Model and Approach
more » ... del and Approach ANIMA Working Group (WG) tem por objetivo propor uma arquitetura para redes autonômicas. Nessa arquitetura, a sinalização é realizada pelo GeneRic Autonomic Signaling Protocol, protocolo responsável por habilitar nós de uma rede para atuar autonomicamente. Este trabalho apresenta um estudo sobre o ANIMA, com foco na utilização do GRASP.
doi:10.5753/wpietf.2018.3211 fatcat:bz7bmi4rwnhi3dpvr3am77mbca