EFEITO DAS ALTAS DENSIDADES DE ESTOCAGEM NO CRESCIMENTO E SOBREVIVÊNCIA DE Litopenaeus vannamei NA FASE FINAL DE ENGORDA, CULTIVADOS EM SISTEMAS DE BIOFLOCOS (BFT)

Adriana Ferreira Silva, Gabriele Rodrigues Lara, Eduardo Cupertino Ballester, Dariano Krumennauer, Paulo Cesar Abreu, Wilson Wasielesky
2013 Ciência Animal Brasileira  
2Pós-graduanda da Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande, RS, Brasil. 3Professor Doutor da Universidade Federal do Paraná, Palotina, PR, Brasil 4Doutor em aquicultura pela Universidade Federal de Rio Grande, Rio Grande, RS, Brasil. 5Professores Doutores da Universidade Federal de Rio Grande, Rio Grande, RS, Brasil. RESUMO O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de altas densidades de estocagem na sobrevivência, crescimento e na taxa de conversão alimentar de camarões Litopenaeus
more » ... namei, na fase final de engorda em sistema de Biofloc Technology (BFT), mantendo os mesmos parâmetros de água para todos os tratamentos. Os camarões (11,96 ± 1,14g) foram estocados em microcosmos (tanques de 0,50 m 2 ), conectados a um raceway de cultivo BFT. O experimento teve duração de 45 dias. Os camarões foram estocados nas densidades de 150, 300, 450 e 600 camarões/m 2 . Bioflocos foram coletados para análise de composição proximal. Os resultados foram submetidos à ANOVA uma via e as diferenças foram comparadas pelo teste de Tukey (α = 0.05). No T300 e T450, o crescimento e sobrevivência dos camarões não foram afetados pelas altas densidades. A maior biomassa alcançada (T450) foi de 5,1 kg/m 2 e a melhor conversão alimentar foi de 1,54 no T150. Os resultados deste estudo indicam que as densidades de estocagem no sistema proposto podem ser elevadas, mas não superiores a 450 camarões/m 2 . Observou-se ainda que mesmo se a qualidade de água for mantida igual para todos os tratamentos, há efeito negativo entre densidade e crescimento dos camarões, confirmando que esse efeito é comportamental. PALAVRAS-CHAVE: engorda de camarões; parâmetros zootécnicos; tecnologia bioflocos. EFFECT OF HIGH STOCKING DENSITIES ON GROWTH AND SURVIVAL OF Litopenaeus vannamei IN FINAL GROWOUT PHASE, REARED IN BIOFLOC TECHNOLOGY (BFT) SYSTEM ABSTRACT The aim of this study was to evaluate the effect of high stocking densities on survival, growth and feed conversion rates of Litopenaeus vannamei shrimp, in final growout phase, in a Biofloc Technology (BFT) culture system, keeping the same water parameters for all treatments. Shrimps (11.96 ± 1.14 g) were stocked in microcosms (0.50/m 2 tanks), connected to a BFT system raceway. The study was carried out for 45 days. The shrimp were stocked at densities of 150, 300, 450 and 600 shrimp/m 2 . Bioflocs were collected for analysis of proximate composition. The results were submitted to one-way ANOVA, and differences were compared by Tukey test (α = 0.05). In T300 and T450, growth and survival were not affected by high stocking densities. The highest biomass reached (T450) was 5.1kg/m² and the best feed conversion rate was 1.54 in T150. The results of this study indicate that stocking densities in the proposed system can be high, but not exceeding 450 shrimp/m². Furthermore, even maintaining the same water parameters for all treatments, there was a negative effect between density and shrimp growth, confirming that this effect is behavioral.
doi:10.5216/cab.v14i3.10419 fatcat:xob42viumnfcth2iadx4q3i3vu