Caxias do Sul

Vieira Tiegue, Rodrigues
Conjectura: Filos. Educ   unpublished
Resumo: Neste artigo eu ofereço uma nova abordagem para resolução do problema do regresso epistêmico. Tal problema pode ser considerado um dos mais tradicionais problemas em epistemologia, que nos segue desde a Antiguidade. As teses tradicionais que tentam responder a esse problema tem dificuldades ainda não respondidas satisfatoriamente, fato que, inicialmente, serve de motivação para a procura de uma nova resposta. Primeiramente, apresento o problema do regresso epistêmico e as respostas
more » ... cionais oferecidas à sua resolução. Como veremos, todas elas apresentam problemas sérios que comprometem a plausibilidade das mesmas, a saber: (i) não respondem adequadamente quando é apropriado interromper o regresso, e (ii) não especificam ou determinam o grau de justificação requerido para o conhecimento. Em seguida, argumentarei em favor da tese que chamarei de "Contextualismo Justificacionista", mostrando que ela consegue responder adequadamente a (i) e (ii). Palavras-chave: Regresso epistêmico. Contextualismo. Justificação. Conhecimento. Estrutura das razões. Abstract: In this paper I offer a new approach for solving the epistemic regress problem. The regress problem is one of the most traditional problems in epistemology and dates back the ancient philosophy. The traditional arguments that attempt to address this problem have difficulties that were not yet answered satisfactorily, a fact that, initially, serves as a motivation for seeking a new response. First, I present the regress problem and the traditional responses offered for its resolution. As we will see all of them have serious problems that undermine their plausibility-namely, (i) do not respond properly when it is appropriate to stop the regress and (ii) do not specify or determine the degree of justification required for knowledge. Then I will
fatcat:kwwgbuegqrdavjkmxtl6x75jvy