The use of clinical score to estimate the severity of an acute attack of asthma

Geórgia K. Morgenstern, Nelson A. Rosário Filho, Flávio P. Ferrari, Rubens Cat, José E. Carreiro
1998 Jornal de Pediatria  
Identificar os pacientes internados por asma aguda que necessitam de terapia intensiva, através da utilização de um escore clínico. Método: Análise retrospectiva de 299 pacientes internados por crise asmática no período entre janeiro/1993 e janeiro/1996. Os pacientes foram divididos em dois grupos: grupo I (GI), constituído por 26 pacientes que necessitaram de cuidados intensivos; grupo II (GII), constituído por 52 pacientes internados no Serviço de Emergências Clínicas, que apresentavam a
more » ... distribuição de sexo e idade em relação ao GI. Para a avaliação dos grupos foi utilizado um escore clínico composto pelos seguintes parâmetros: freqüência cardíaca, freqüência respiratória, tiragem, cianose, história de internamento anterior, nível de consciência, tratamento prévio à internação e duração da crise. A pontuação do escore variava entre 0 e 2 pontos para cada ítem, com a soma até 11 pontos. Resultados: Os parâmetros clínicos que mais se diferenciaram nos 2 grupos foram tiragem (p<0,001), cianose (p<0,01) e nível de consciência (p<0,005). Através da análise discriminante do escore clínico, foram reconhecidos como pertencentes ao GI, 22 dos 26 pacientes internados em UTI, mostrando uma margem de acerto de 85%. No GII foram reconhecidos 40 dos 52 pacientes, com uma margem de acerto de 77%. Conclusão: O escore clínico mostrou-se útil na diferenciação dos pacientes mais graves e que podem necessitar de cuidados intensivos. Deve ser aplicado no momento da internação.
doi:10.2223/jped.465 fatcat:gycpxgl5gzbdnfe32cvdjxyyau