Acaso30, entrevista com Gilbertto Prado

Gilbertto Prado, Grupo Digitais, Eca-Usp Cnpq
2014 ARS (São Paulo)   unpublished
1.Introdução As ciências cognitivas mostram ainda que a oposição tradicional e sistemática entre racionalidade científica e sensibilidade artística, objetividade científica e subjetividade artística, não se justificam. A ciência e a arte são duas atividades que tanto apresentam diferenças como semelhanças. As semelhanças no processo de criação ou invenção/descoberta e quanto à função das emoções nestes processos. Diferenças quanto à função das emoções e da empatia na recepção de obras de arte e
more » ... de obras de arte e comunicação do conhecimento científico, bem como sobre os efeitos que essas obras e saberes exercem sobre cada um e na sociedade. Os objetivos da ciência e da arte não são os mesmos 1 (Edmond Couchot, 2012). Muitos dos trabalhos de arte no campo das chamadas "novas mídias" colocam em evidência seu próprio funcionamento, seu estatuto, produzindo acontecimentos e oferecendo processos, se expondo também enquanto potências e condições de possibilidade. Os trabalhos não são somente apresentados para fruição em termos de visualidade, ou de contemplação, mas carregam também outras solicitações para experenciá-los. Outras solicitações de diálogos e de hibridações 2 , em vários níveis e também com outras referências e saberes, 1 "Les sciences cognitives montrent encore que la traditionnelle et systématique opposition entre rationalité scientifique et sensibilité artistique, objectivité scientifique et subjectivité artistique, n'est pas fondée. La science et l'art sont deux activités qui présentent à la fois des différences et des similitudes. Des similitudes quant aux processus de création ou d'invention/découverte et quant à la fonction des émotions dans ces processus. Des différences quant à la fonction des émotions et de l'empathie dans la réception des oeuvres d'art et la communication des savoirs scientifiques, et quant aux effets que ces oeuvres et ces savoirs exercent sur chacun et sur la société. Les finalités de la science et de l'art ne sont pas les mêmes." Edmond Couchot. « Les sciences cognitives et la recherche dans la création artistique et l'esthétique »-Conferência realizada no evento ARTE_PESQUISA: INTER-RELAÇÕES, UNESP, 09/10/2012, a ser publicado na revista ARS, 2012. 2 Peter Anders propõe o termo "espaço cíbrido" para as novas relações de hibridizações e cibernética, onde hibridizam-se linguagens, conectam-se novos espaços e, dessa forma, o ambiente soma as propriedades do ciberespaço.
fatcat:xjftzx3l55dhbbcqonizfvoiny