Argumentação e apropriação ortográfica em crianças com distúrbio de leitura-escrita 1

Tícia Cassiany, Ferro Cavalcante, Daniele Néri, Maria Olímpio, Luciana Cavalcanti, Anna Ferro
2007 unpublished
Resumo: Muitos estudos acerca da aquisição ortográfica têm percebido que os aprendizes passam por diversas dificuldades na apropriação das regras ortográfi-cas. O presente estudo teve como objetivo investigar a influência do discurso argumentativo na construção das regras ortográficas dos contextos do R e do RR. Participaram da presente investigação oito crianças de 7 a 11 anos, com distúrbio de leitura-escrita, em atendimento na clínica fonoaudiológica, sendo constituídos de dois grupos:
more » ... dois grupos: Experimental e Controle. Os dois grupos foram solicitados a participar de ditados de palavras, em dois momentos distintos: no pré-teste e no pós-teste. Somente o grupo experimental participou da intervenção, atividade alterna-tiva, favorecida pela emergência da argumentatividade. Os resultados demonstra-ram que as crianças do grupo experimental avançaram na apropriação dos contextos do R e do RR após a realização da intervenção. Palavras-chave: distúrbio de leitura-escrita; ortografia; argumentação. INTRODUÇÃO A ortografia é uma convenção criada com a finalidade de comunicação e difere do código oral por neutralizar as diferenças dialetais dos usuários de uma determinada lín-gua. Em muitas línguas, a aquisição da ortografia é um processo lento e complexo, em que o aprendiz comete muitos erros. Na ortografia do português, existem diversas relações entre letras e sons, porém poucas são compreendidas facil-mente pelas crianças, pois a maioria das relações é de difícil 1 Este texto faz parte do projeto institucional desenvolvido pela autora na Universidade Católica de Pernambuco. Agradecemos o apoio finan-ceiro do PIBIC/UNICAP. Agradecemos também às alunas-bolsistas
fatcat:oakgcgtzljf55nxqbtnz6wt6om