Determinação da concentração diagnóstica de pirimicarbe para a detecção de populações de Myzus persicae (Sulz.) (Homoptera: Aphididae) com diferentes níveis de esterases

Rui S. Furiatti, Sonia M. N. Lázzari
2000 Anais da Sociedade Entomológica do Brasil  
Resultados de bioesnsaios com pirimicarbe, associados aos níveis de esterases totais obtidos através de testes colorimétricos, foram utilizados nesta pesquisa para determinar concentrações diagnostica para a avaliação da resistência de populações de Myzus persicae a inseticidas em cultura de batata Coletas de M. persicae foram feitas ao acaso em plantas de batata de plantações comerciais, na região de Curitiba, Piraí do Sul e Contenda, no Paraná, e Ibicoara na Bahia, durante o período de 1994 a
more » ... 1996. A CL50 foi estimada submetendo-se os afídeos a bioensaios com concentrações (g/100 ml) de 0.0125; 0.025; 0.05 e 0,1% foram congelados uma hora após o tratamento e submetidos à avaliação das esterases totais, através de ensaio colorimétrico. Na concentração de 0,0125%, a mortalidade foi muito baixa, enquanto que a 0,1% a mortalidade atingiu 100% da população, indicando que a concentração diagnostica encontra-se dentro desta faixa. A diferença foi significativa entre as mortalidades nas concentrações de 0,025 e 0.05% em cada população estudada, mas não entre as populações coletadas nas quatro regiões. A concentração de 0,05% de pirimicarbe causa a mortalidade de aproximadamente 50% dos indivíduos altamente resistentes (R2), 72% dos levemente resistentes (R1) e 89,7% dos suscetíveis (S), podendo ser utilizada para diagnosticar populações resistentes de M. persicae. A determinação desta concentração diagnóstica é importante nos programas de manejo da resistência da praga em cultivo de batata, pois os indivíduos podem ser avaliados quanto à resistência nesta única concentração e, assim, baixa freqüência de resistência podem ser detectadas.
doi:10.1590/s0301-80592000000400013 fatcat:njwhmdw4srclnpvlsl75fya27m