Influência do tratamento de sementes e da profundidade de semeadura na emergência de plântulas de soja e feijão

Júlio Tagliari Balestrin, Dieferson Frandaloso, Renan Casagrande
2020 Brazilian Journal of Development  
RESUMO O objetivo do presente estudo foi avaliar a influência do tratamento de sementes e da profundidade de semeadura na emergência de plântulas de soja e feijão. Em ambos experimentos (soja e feijão), utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso, com 4 repetições em arranjo fatorial 4x3: tratamento de sementes (testemunha, Carboxina + Tiram, Imidacloprido + Tiodicarbe e Carboxina + Tiram mais Imidacloprido + Tiodicarbe) e profundidade de semeadura (2, 5 e 10 cm). Os dados obtidos foram
more » ... obtidos foram submetidos a ANOVA e as médias comparadas pelo teste de Tukey (α = 0,05). Não houve interação entre a profundidade de semeadura e o tratamento de sementes. Contudo, o tratamento de sementes com fungicida (Carboxina + Tiram) mais inseticida (Imidacloprido + Tiodicarbe) resultou em maior emergência das plântulas de soja (86,7%) e feijão (85,0%). A profundidade de semeadura de 5 cm resultou em maior emergência das plântulas de soja (89,4%) e feijão (85,9%). Desta forma, o tratamento de sementes com fungicida mais inseticida aliado à profundidade de semeadura de 5 cm proporcionou os maiores percentuais de emergência de plântulas de soja e feijão. Palavras-chave: Tratamento de sementes, Profundidade de semeadura, Glycine max, Phaseolus vulgaris. ABSTRACT The aim of this study was to evaluate the influence of seed treatment and sowing depth on the emergence of soybean and bean seedlings. In both experiments (soybeans and beans), a randomized Brazilian Journal of Development Braz.
doi:10.34117/bjdv6n7-579 fatcat:ogwna5s7ujcw3lwvpan7yijvpu