Filters








1 Hit in 0.034 sec

Infecções Respiratórias de Importância Clínica: uma Revisão Sistemática

Edivá Basilio da Silva Filho, Aline Laiane Silva, Alcione Oliveira Santos, Deusilene Souza Vieira Dall'acqua, Luan Felipo Botelho Souza
2017 REVISTA FIMCA  
Introdução: Doenças respiratórias caracterizam-se como infecções que causam obstrução da passagem de ar tanto a nível do trato respiratório superior como inferior e estão entre as infecções de maior índice de morbimortalidade do mundo. Objetivos: O presente trabalho tem como objetivo analisar as principais infecções respiratórias de importância clínica e os principais agentes etiológicos, compilando os tipos de infecções, agentes etiológicos mais prevalentes e os principais locais de estudo.
more » ... ocais de estudo. Materiais e Métodos: Trata-se de uma revisão sistemática realizada mediante pesquisa de artigos publicados entre os anos de 2010 e 2016, nos idiomas Português, Espanhol e Inglês. A coleta eletrônica foi conduzida utilizando os bancos de dados MEDLINE/PubMed e BVS e usando os seguintes descritores, respiratory tract infection, epidemiology, mortality e transmission, indexados no Medical Subject Headings database (MeSH). Resultados: Seguindo os critérios de inclusão e exclusão, foram selecionados 33 estudos para revisão. Foi perceptível o alto índice de publicações do Brasil referente ao tema, seguido da China, EUA, Áustria e Reino Unido. Foi observado que grande parte dos estudos mencionou a influenza como patologia clínica predominante, ficando evidente que o principal agente causador das infecções respiratórias foi o agente etiológico viral, seguido do bacteriano. Conclusão: Constatou-se uma alta distribuição geográfica dos estudos referente ao tema, destacando o Brasil como o país com o maior número de publicações. Porém, o assunto ainda é pouco discutido frente ao grande impacto socioeconômico causado pelo mesmo. No que diz respeito aos agentes etiológicos causadores das infecções respiratórias, prevaleceram os vírus, sugerindo então um melhor esquema de diagnóstico a cerca desse tipo de infecção. Introduction: Respiratory diseases are defined as infections that obstruct the air passage both at the upper and lower respiratory tract and are among the infections with the highest morbidity and mortality rate in the world. Objectives: This study aims to analyze the respiratory infections of clinical importance and their main etiological agents, compiling the types of infections, the most prevalent etiological agents, and the main study sites. Materials and Methods: This is a systematic review performed through articles published between 2010 and 2016 in Portuguese, Spanish, and English. The electronic collect was conducted using the MEDLINE / PubMed and BVS databases and using the following descriptors, respiratory tract infection, epidemiology, mortality, and transmission, indexed in Medical Subject Headings database (MeSH). Results: Following the inclusion and exclusion criteria, 33 studies were selected for review. It was noticeable the high index of publications of Brazil referring to the subject, followed by China, USA, Austria and United Kingdom. It was observed that most of the studies mentioned influenza as the predominant respiratory clinical pathology. It is evident that the main cause of the respiratory infections was the viral etiologic agent followed by bacteria. Conclusion: We found a high geographical distribution of the studies related to the topic, where Brazil was highlighted as the country in which there were more publications. However, the subject is still little discussed given the socioeconomic impact caused by it. Concerning the etiological agents that cause respiratory infections, viruses prevailed, suggesting a better diagnostic approach to this type of infection.
doi:10.37157/fimca.v4i1.5 fatcat:ykp4wsokhrbfbgmyin6k5j4mnu