Filters








1 Hit in 0.035 sec

CONVERSAS NUMA RODA DE TERERÉ. (DES) ENCONTROS ENTRE MANOEL DE BARROS 1 E NEWTON AQUILES VON ZUBEN

Reu Sorocaba
unpublished
A presento, nestas páginas, as entrevistas concedidas pelo poeta Manoel de Barros e pelo filósofo Newton Aquiles von Zuben, condensadas num texto único, com o objetivo de estabelecer diálogos e (des)encontros entre os saberes. Tentei aproximar o poeta e o filósofo, de forma que esses autores possam dialogar em conversa informal, como se faz em uma roda de tereré. Nessa conversa, percebemos que existem momentos de encontro e desencontro entre as ideias desses autores. Conversas numa roda de
more » ... s numa roda de tereré Era uma manhã sul-matogrossense, daquelas em que o "sol está de rachar", "de estralar mamona", "de fritar o ovo na calçada"-tudo isso pra dizer que estava muito quente-, à beira do Rio Miranda, em pleno Pantanal. Passava por aquelas bandas o filósofo Newton Aquiles von Zuben, um doutor em ciência que estava em busca do desconhecido, pois, pois. E não é que no meio do caminho tinha uma pedra? Ao desviar da pedra ele avistou um homem já na sua terceira infância, esfregado ao chão para escutar a terra com a boca-era o poeta Manoel de Barros. O dia todo ele vinha na pedra do rio escutar a terra com a boca e ficava impregnado de árvores. Sentado sobre uma pedra estava o homem desenvolvido à moscas. O poeta disse soberano:
fatcat:4amn7r5si5hphgvwljn4waromm