Filters








1 Hit in 0.042 sec

Avaliação funcional, radiográfica e da qualidade de vida após artroplastia total de quadril não cimentada com superfície cerâmica-cerâmica: seguimento mínimo de cinco anos de evolução

Rafael Borghi Mortati, Rafael Mota Marins dos Santos, Lucas Borghi Mortati, Rodrigo Angeli, Ramon Candeloro, Richard Armelin Borger, Roberto Dantas Queiroz
2013 Revista Brasileira de Ortopedia  
r e v b r a s o r t o p . 2 0 1 3;4 8(6):505-511 w w w . r b o . o r g . b r Artigo Original Avaliação funcional, radiográfica e da qualidade de vida após artroplastia total de quadril não cimentada com superfície cerâmica-cerâmica: seguimento mínimo de cinco anos de evolução ଝ informações sobre o artigo Histórico do artigo: Recebido em 3 de abril de 2012 Aceito em 17 de outubro de 2012 Palavras-chave: Artroplastia Quadril Cerâmica Óxido de alumínio r e s u m o Objetivo: Analisar e
more » ... isar e correlacionar os resultados funcionais e radiográficos e o grau de qualidade de vida em pacientes submetidos a artroplastia total de quadril não cimentada com superfície em cerâmica feita no Hospital Servidor Público Estadual de 2001 a 2006. Métodos: Fizemos um estudo retrospectivo que analisou 35 quadris tratados com artroplastia total do quadril não cimentada com superfície em cerâmica, com tempo de seguimento mínimo de cinco anos. A avaliação funcional baseou-se no questionário de Harris Hip Score (HHS), a avaliação radiográfica baseou-se no método proposto por Charles Engh para o fêmur e sinais de integração óssea nas zonas de DeLee e Charnley para o acetábulo e a avaliação da qualidade vida baseou-se no questionário SF-36 (Medical Outcomes 36 Item Short-Form Health Survey). Resultados: O questionário HHS apresentou resultados considerados como excelentes e bons em 91% dos pacientes no pós-operatório (média de 93,14 pontos HHS). Quanto à avaliação radiográfica, em 100% dos quadris operados tivemos osteointegração óssea comprovada. Os escores do SF-36 não foram estatisticamente significantes em relação ao grupo controle para os seguintes componentes: dor, vitalidade, aspectos sociais e saúde mental. A variação entre o HHS pré e pós-operatório se correlaciona com a capacidade funcional no SF-36. Conclusão: A artroplastia total com superfície de cerâmica é uma operação que possibilita a melhoria funcional do quadril e o aumento da qualidade de vida do paciente para níveis próximos aos da população sem doenças da articulação.
doi:10.1016/j.rbo.2012.10.009 fatcat:fvvk5izrazbsdkyy3mahev6gsy