Filters








1 Hit in 0.039 sec

Organização da nação e monopolização do ensino pelo estado: homogeneidade cultural e exclusão socio racial (Brasil, séculos XIX e XX)

Cynthia Greive Veiga
2017 Comunicações  
Resumo: O objetivo do artigo é discutir a monopolização do ensino pelo Estado e a imposição da homogeneidade cultural através da institucionalização das escolas públicas e obrigatórias, como parte do processo de organização dos Estados nação, com destaque para história da educação brasileira, século XIX e início do século XX. Para isto foram investigados documentos tais como: relatórios de governo, jornais e revistas, discutidos a luz das teorias sociológicas de Norbert Elias e Anibal Quijano.
more » ... e Anibal Quijano. Estes autores analisam, com ênfases diferenciadas, as dinâmicas monopolizadoras produtoras da modernidade europeia que se impuseram nas américas, as mudanças nas relações entre governantes e governados, e as tensões socio raciais no processo de organização das nações. O estudo indica para paradoxos no processo de estabelecimento da escola pública obrigatória, uma vez que, as ações voltadas para homogeneizar culturalmente as populações, contribuíram para surgimento de novos mecanismos de exclusão socio racial.Palavras chaves: monopolização estatal; escola obrigatória; nação; exclusão; classe social, etnia.
doi:10.15600/2238-121x/comunicacoes.v24n3p171-189 fatcat:ruyyjbdoa5grfgv47ne4uwalqm