Filters








1 Hit in 0.043 sec

OBSERVATÓRIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO ESPECIAL E A EXPERIÊNCIA DO ESPÍRITO SANTO: A PESQUISA-FORMAÇÃO E SEUS DESDOBRAMENTOS

Denise Meyrelles De Jesus, Sonia Lopes Victor, Alexandro Braga Vieira
2016 Revista TEIAS  
Iniciado nos anos de 1990, o debate sobre a inclusão tem estado presente no panorama educacional brasileiro, tendo como premissa maior o direito de todos à Educação, inclusive daqueles estudantes indicados à Educação Especial. No entanto, no Brasil, foi a partir da publicação da Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (2008) que se delinearam políticas públicas para o atendimento educacional especializado, fazendo-o diferenciarse das configurações previstas
more » ... urações previstas anteriormente, as quais eram praticadas ainda sob a égide da exclusão/segregação desses estudantes da escola comum. A atual configuração para o atendimento educacional especializado se apresenta na contramão de uma organização histórica desse atendimento na Educação Especial, a qual o mostra como substitutivo ao ensino comum para o público-alvo da referida modalidade de ensino. Essa configuração anterior implicou no fortalecimento de serviços segregados ofertados pelo poder público e na proliferação de instituições especializadas, contribuindo, sobremaneira, para práticas pedagógicas configuradas em um trabalho clínico-terapêutico que tomava como referência o modelo médico-psicológico e o diagnóstico com base em testes psicométricos para a oferta desse atendimento. Desde então, outros documentos legais foram publicados com o objetivo de configurar o referido atendimento, como a Resolução 4/2009 que institui as diretrizes operacionais para o atendimento educacional especializado na Educação Básica, modalidade Educação Especial e o Decreto 7.611/11 que dispõe sobre a Educação Especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências. (*) Denise M. Jesus. Doutora em Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação (UFES). o Observatório Nacional de Educação Especial em seus desdobramentos no Espírito Santo. O estudo tomou a pesquisa-formação como o eixo condutor do processo. Participaram 52 professores especializados em Educação Especial, dentre professores e alunos da UFES. A formação teve a duração de 104 horas presenciais e 100 horas não presenciais. As análises evidenciaram a relevância do currículo da formação ser planejada por todos os participantes. Sinaliza-se a possibilidade de os profissionais se constituírem em mediadores de formação e que os conhecimentos foram mediados em nível de profundidade e problematizaram a realidade. Diz-se da relevância da pesquisa-formação para ressignificação de posturas docentes e significação como professores especializados. ABSTRACT Search is this text dialogue with the National Observatory of Studies for Special Education in its developments in the state of Espírito Santo. The study took the research-teacher education as the driving force of the process. Participated 52 teachers specialized in special education, professors and students of UFES. The training lasted 104 classroom hours and 100 hours of distance education. The analysis showed the relevance of the course curriculum to be planned by all participants. It indicates the possibility of forming themselves into professionals mediators of peer education. Those involved say the relevance of the research-education proposal for reframing their teaching positions and significance as specialized teachers.
doi:10.12957/teias.2016.25496 fatcat:mx4yumco4faodipiofb32tjycm