Filters








1 Hit in 0.042 sec

Avaliação nutricional de pastagens de capim-elefante e capim-mombaça sob manejo rotacionado em diferentes períodos de ocupação

Fábio Nunes Lista, José Fernando Coelho da Silva, Hernán Maldonado Vásquez, Edenio Detmann, Afonso Aurélio de Carvalho Peres
2007 Revista Brasileira de Zootecnia  
A técnica de extrusa esofágica foi utilizada com o objetivo de avaliar qualitativamente pastagens de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum. cv. Napier) e capim-mombaça (Panicum maximum, cv. Mombaça) manejadas sob sistema rotacionado. As amostras relativas aos três primeiros dias de ocupação foram utilizadas para determinar os teores de MS, PB, EE, MO, lignina (LIG), FDN e FDA, a digestibilidade in vitro da MS (DIVMS) e o fracionamento dos carboidratos e proteínas, além do tempo de latência
more » ... o tempo de latência e da taxa de degradação dos carboidratos. As composições médias das amostras de extrusa esofágica obtidas nos dias sob pastejo foram comparadas por meio de contrastes ortogonais, com posterior ajuste de equações de regressão. Os teores de LIG e DIVMS diferiram apenas no capim-mombaça. Nesta espécie, houve aumento de 2,57 pontos percentuais nos teores da fração indigerível e redução de 3,23 pontos percentuais para os teores da fração potencialmente digestível dos carboidratos. Para cinética de degradação dos carboidratos fibrosos, verificou-se diferença apenas para o capim-mombaça, no qual houve redução linear. Tanto a fração insolúvel em detergente ácido quanto a fração protéica degradável dos capins elefante e mombaça apresentaram decréscimo linear com o passar dos dias sob pastejo.
doi:10.1590/s1516-35982007000600025 fatcat:vh7s62txezealcfbtsakwksh4q