Filters








1 Hit in 0.049 sec

Teores de proteína bruta em dietas práticas para juvenis de carpa capim

C.A. Veiverberg, J. Radünz Neto, L.P. Silva, F.J. Sutili, S. Rossato, V. Corrêia
2010 Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia  
Avaliou-se a resposta de juvenis de carpa capim (Ctenopharyngodon idella) à inclusão de proteína bruta (PB) em dietas práticas, em um experimento com 120 juvenis e 80 dias de duração. As dietas eram compostas por farinha de carne suína, farelo de soja, milho e farelo de trigo com 22, 30, 36 ou 44% de PB. Dez juvenis (153,0±1,5g) por tanque (850L) foram alimentados duas vezes ao dia (3% da biomassa). Foi observado efeito linear positivo da PB para peso final, ganho em peso, taxa de crescimento
more » ... xa de crescimento específico, rendimento de carcaça e filé, coeficiente de retenção proteica, taxa de eficiência proteica, deposição de gordura e proteína e hematócrito. O mesmo efeito também foi observado para triglicerídeos e colesterol total no sangue, indicando que a proteína da dieta foi utilizada como fonte energética. Conversão alimentar aparente e gordura no peixe inteiro apresentaram efeito quadrático, com pontos de máxima em 40,6 e 37,1% de PB, respectivamente. Pode-se concluir que a porcentagem mínima de PB para a carpa capim na fase de recria foi de 44% e que a variação da proteína da dieta promoveu alterações no metabolismo dos juvenis de carpa capim, refletidos nos parâmetros sanguíneos e de carcaça.
doi:10.1590/s0102-09352010000500029 fatcat:ydadqzpgzfeipej77b57g7uq6q